quarta-feira, janeiro 23, 2013

Comida: uma reflexão necessária


Você precisa ver este filme. Gaste uma hora e meia da sua vida e repense tudo o que você sabia (ou imaginava que sabia) sobre a alimentação da garotada.

Alguém precisa fazer alguma coisa a respeito.

Parabéns à diretora Estela Renner pelo primoroso trabalho documental.

Parabéns à Maria Farinha Filmes.

Veja lá.

terça-feira, janeiro 22, 2013

A estratégia


Depois de um longo período me debatendo entre ser jornalista ou ser assessora de imprensa (Ser ou não ser... ), finalmente estou em uma fase em que me considero bem resolvida com a minha profissão.
Fiz as pazes com o fato de que o emprego em assessoria é tão bom (ou melhor, muitas vezes) do que o emprego em um órgão da grande imprensa.
Passei a ver encanto em definir estratégias, em discutir hoje a notícia que o jornal publicará só amanhã (ou a revista ou o site, ou até o blog...)
Hoje, vejo que o relacionamento entre jornalistas e assessores é muito mais amigável do que foi no passado, mesmo porque uns dependem dos outros e vice-versa.
Eu queria saber se existe alguma pesquisa de alguma universidade que determine a porcentagem de notícias nascidas na assessoria de imprensa x notícias "garimpadas na unha" pelos jornalistas. Será que existe isso? Não sei. Mas meu palpite é que beira aí uns 90% x 10% do conteúdo jornalístico geral. O que você acha?